Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Onde o mote é a fotografia e... outras eventuais peregrinações.


14
Dez17

Casa Oriental - Porto

por Maximiliano

IMG_8062s.jpg

DSCN4129 copy-002.jpg

DSCN4115-001b.jpg

DSCN4117-001b.jpg

DSCN4122 (2).jpg

DSCN4121 (3).jpg

 Porto - Casa Oriental

Corria o ano de 1910 quando aqui se ergueu, bem junto à Torre dos Clérigos, aquele que viria a ser um dos maiores bastiões do comércio tradicional em Portugal e na cidade do Porto. A Casa Oriental, tão antiga quanto a República Portuguesa, é uma voz que fala alto quando toca a defender e promover os produtos nacionais e a tradição do seu país. 

No princípio foi o Chá, Café e Chocolate oriundos das colónias, aos quais se juntaram os restantes produtos tradicionais de mercearia durante a 2ª Guerra Mundial. Na década de 80 iniciou-se o mítico bacalhau e os anos 90 trouxeram a venda da fruta. Uma história viva e em permanente construção. 

Virado o primeiro século de história, a missão da Casa Oriental não está terminada. 
O novo capítulo neste bonito e já longo livro é a devida homenagem ao prodígio do Oceano Atlântico: a Sardinha Portuguesa, pescada a poucos quilómetros do local onde nos encontramos. Reconhecendo a importância histórica do nosso espaço e compreendendo o impulso que demos no passado a outros produtos icónicos da gastronomia portuguesa, a COMUR – Fábrica das Conservas da Murtosa confiou à Casa Oriental o exclusivo para toda a cidade do Porto da coleção “Valor do Tempo®”. 
Duas marcas de elevadíssima reputação que se unem por um só objectivo: retribuir à Sardinha Portuguesa o muito que esta já fez por Portugal. Casa Oriental, desde 1910 a dar Valor ao Tempo.
----------------------------------------------------------------------------------------

Texto: www.casaorientalporto.pt   Facebook   Instagram

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:44


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados